Acolhimento e tratamento humanizado são diferenciais na vida de pacientes com câncer

Dia do enfermeiro

Receber o diagnóstico positivo para o câncer, para muitos, é um momento em que os sentimentos podem se misturar. A sensação de ficar sem chão, do medo de perder a vida, as tantas dúvidas e incertezas que podem surgir. Para muito além da doença, o câncer muda a perspectiva do indivíduo sobre a vida. Mas, hoje, além de poder contar com tratamentos modernos, tecnologia de ponta (equipamentos de última geração), novos tipos de terapia, duas palavras estão fazendo a diferença na vida dos pacientes oncológicos: acolhimento e humanização, visando ao atendimento integral.

Esse atendimento humanizado funciona como auxiliar no tratamento dos pacientes oncológicos. No Oncoville, essa prática já é considerada como o “DNA” da clínica e implementada pelos profissionais do corpo clínico, equipe de enfermagem, tecnólogos e demais colaboradores da instituição, desde a chegada do paciente na recepção.

O atendimento humanizado é aquele em que todos os envolvidos atuam para que o paciente tenha um tratamento digno e apropriado, sendo ouvido, respeitado, compreendido e aconselhado. Em poucas palavras, no lugar de dedicar todo o foco para o combate de uma enfermidade ou na condição de saúde na qual em que o paciente se encontra, os profissionais da clínica mantêm a atenção no indivíduo em si e nas suas necessidades.

“A humanização do cuidado é essencial para a promoção do bem-estar durante a estada do paciente no ambiente da clínica”, destaca Fernando Popovicz, Responsável Técnico da Enfermagem no Oncoville. Sobre acolhimento humanizado, ele explica que é a busca pelo equilíbrio entre um bom tratamento e uma boa experiência para o paciente. “O acolhimento cria vínculo, faz com que os profissionais possam se colocar no lugar do outro. Ao ouvir o que o paciente tem a falar, pode-se realizar um atendimento que contribua com o bem-estar do paciente e dos seus familiares. O estar próximo, conhecer e acolher de forma humanizada acalma o estigma cultural sobre a doença, a angústia, e auxilia o paciente nesta fase de tratamento. Isso acaba diminuindo a resistência dele diante do tratamento, aumentando as chances de melhora. Há ainda o estreitamento de laços entre o paciente e os componentes das equipes. O importante é o paciente se sentir bem e o resultado de seu tratamento o melhor possível”.

A força de um testemunho – de enfermeira a paciente

Cleusa Bastos Campregher mora em Jaguariúna, São Paulo, tem 83 anos e faz exames de rastreamento regularmente. Em (ano), foi diagnosticada com câncer de endométrio de alta malignidade, Grau lll. “Senti-me desabar, dolorida, perdida sobre como contar isso à família. Recebi apoio e esclarecimentos do meu médico e explicações detalhadas sobre o tratamento que faria. Tive muita fé, orei e me mantive otimista. Com ajuda de minha irmã, fiz em São Paulo uma cirurgia robótica chamada pan-histerectomia (retirada de ovários e trompas). Em dois dias, voltei para casa, sem nenhuma dor ou desconforto. Passada esta primeira fase, vinha mais uma etapa do tratamento, que era a radioterapia, devido à malignidade do tumor, mas não seria essa nossa conhecida e sim braquiterapia, quatro sessões.”

A escolha por fazer o tratamento de braquiterapia no Oncoville se deu em função de sua filha morar na cidade. A enfermeira aposentada, que viveu o “outro lado da moeda”, conta que em sua idade, viu renascer a esperança e percebeu como a ciência, a tecnologia e o conhecimento estavam ao seu alcance. Ela conclui com esta afirmação: “Ter tudo isso alinhado a um atendimento humanizado era exatamente o que eu precisava e encontrei aqui no Oncoville. Agora preciso aprender a celebrar a vida até quando Deus permitir”.

Escreva sua resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + cinco =

Descubra como funcionam os tratamentos com radioterapia para o câncer de pulmão
Câncer de pulmão apresenta sinais quando a doença já está em estágio avançado
Saiba Mais
Tabagismo está relacionado ao desenvolvimento do câncer bucal
Tabagismo está relacionado ao desenvolvimento do câncer bucal
Saiba Mais
Serviço de Concierge possibilita que o paciente esteja focado somente no tratamento
Serviço de Concierge possibilita que o paciente esteja focado somente no tratamento
Saiba Mais

Receba novidades